Arquivo de Notícias

Regiões originárias motivam Rota da Cultura Italiana

Formando atualmente um quarteto de rotas turísticas de Jundiaí (ao lado da Rota da Uva, na região do Caxambu, e da Rota da Terra Nova e da Rota do Castanho, nas regiões homônimas), a Rota da Cultura Italiana está amadurecendo na região do Traviú e, inclusive, conta com logotipo aprovado na comunidade envolvida.

Depois de várias alternativas, a imagem definida mostra um mapa italiano no qual se destacam duas regiões originárias dos primeiros imigrantes que formaram esse bairro rural sobre uma fazenda existente anteriormente. São elas a comuna de Maserada Sul Piave, na região de Treviso (na província do Vêneto), e a localidade de Romagnano, da comuna de Trento (na região de Trentino Alto Ádige).

Essa Rota Turística da Cultura Italiana está em implementação com o restaurante Travitalia e as adegas Santa CecíliaBella Vista, o espaço de eventos Villa Traviú e famílias desse setor oferecem também cafés, cervejas artesanais e outros produtos típicos de famílias dessa região da cidade (como as massas La Favolla).

O bairro rural foi o principal ponto de disseminação da uva Niagara Rosada, variedade de fruta tipicamente jundiaiense e surgida de uma mutação da variedade branca em 1933. Além das tradições, tem também referências locais como uma cooperativa agrícola ligada aos produtores de caqui.

Circuito – O avanço nessa  região amplia para quatro as rotas turísticas oferecidas por Jundiaí para visitantes e moradores. A primeira delas é a Rota da Uva, na bacia do rio Jundiaí-Mirim (na região com partes de Caxambu, Roseira, Toca, Jundiaí-Mirim e Colônia), que conta atualmente com 12 adegas (Vendramin Sibinel, Negrini,Mingotti, Maziero, Martins,Marquesin, Juca Galvão, Fontebasso, do Português,Brunholi e Beraldo di Cale).

Também participam da rota, 15  restaurantes. alguns dos quais anexos às adegas e mais  Vendinha do Alto,  Spiandorello, Recanto Marquezin, Piatti Belli, O Italianão, Estação Fazenda, Don Martê, Bistecão, Bar do Celso e  A Taverna.

Ao longo da rota também são encontradas lojas especiais, como as frutas da Barraca Roseira ou Por Falar em Uva, a microcervejaria  Bier Nards, espaços de selaria, como a Casa da Fazenda, ou produtos de fábrica da Cereser e também de produtos artesanais, como o Valsanglau, entre outros.

Já a Rota da Terra Nova é marcada pela paisagem rural está  na região entre a Serra do Japi e a Serra dos Cristais. Entre suas atrações estão restaurantes campestres, como o  Japiapé, os passeios do Haras Terra Nova, as conservas artesanais da Clamar, os embutidos da Pavan – Boutique do Porco, os cafés do Bookaféou as visitas agendadas do Viveiro Terra Nova.

E a Rota do Castanho, em articulação na região da Serra dos Cristais, tem como sua principais referências  o Restaurante Serra dos Cristais,  o espaço de lazer Carpe Diem e também a tradicional Vinícola Castanho. , contando ainda a participação do Sítio do Ivan, de produção orgânica.

Prefeitura de Jundiaí

rota-da-cultura-italiana-logo




Publicada em 08/09/2016

Centro de Informações Turísticas

Av. Jundiaí, 1151 (em frente ao Parque da Uva) | Anhangabaú – Jundiaí – SP | CEP 13208-053
Telefone: (11) 4521-9644 | E-mail: turismoinformacoes@jundiai.sp.gov.br
Horário de Funcionamento: diariamente das 8h às 18h

Prefeitura de Jundiaí
Turismo Jundiaí | Desenvolvido por CIJUN